Após esconder todas as chupetas que sobraram, a minha missão agora é disfarçar e fazer com que a Duda esqueça desse artifício. Se ela está chorando, acaba pedindo o travesseirinho e o bico. Desde sábado estou consegindo manter a chupeta longe da boca dela. Sábado ela dormiu enquanto eu lia e nem se lembrou do bico. Domingo precisei inventar uma mentira inocente: disse que não sabia onde ele estava. Ela deu uma resmungada, mas acabou dormindo sem o bico. Vitória! Duas noites seguidas é o meu novo recorde.

Descobri que o segredo do sucesso nesta batalha é a persistência. Elogio e digo que gostei muito quando ela dorme sem a chupeta, converso sobre os problemas que ela causa e tento sempre mostrar para ela que há outras formas de lidar com as frustrações do que chorar e pedir o bico. Não é fácil mudar o foco quando ela está assim, mas agora que as outras pessoas aqui de casa aderiram à minha campanha a coisa está um pouco mais fácil. Só por precaução, estou mantendo os bicos na gaveta, mas nem pensem em contar para ela!

Anúncios